Flacidez nas mamas: como prevenir ou corrigir?

Flacidez nas mamas: como prevenir ou corrigir?

  • flacidez-nas-mamas-como-prevenir-corrigir

A flacidez costuma ser uma inimiga das mulheres, vila da juventude que acomete milhares de mulheres ao redor do mundo. E nas mamas não é diferente, com o passar do tempo ou influenciado por outros fatores, como gravidez ou oscilações de peso, elas também vão se tornando flácidas.

 

Especificamente no caso das mamas, a falta de firmeza e elasticidade da pele é um dos fatores, o que ocasiona excesso ou sobra de pele. Mudanças hormonais também pode interferir no tamanho dos seios e piorar a flacidez ou favorecer o aparecimento de estrias.

Mulheres que fumam ou com predisposição genética também estão sujeitas à flacidez. E, além de tudo isso, a prática de atividades físicas sem uso do sutiã adequado também pode levar ao problema. Existem alguns cuidados que você pode adotar no dia a dia para prevenir a flacidez das mamas, mas em alguns casos apenas a cirurgia plástica, por meio de um lifting que corrigirá o excesso de pele e, o uso de próteses, para preencher o volume perdido, serão eficazes.

Veja algumas dicas:

  • Mantenha as mama sempre hidratadas: Não apenas as mamas, mas a pele do corpo todo, claro.  Passe óleos e cremes, preferencialmente após o banho. Esfoliações suaves e periódicas na pele também são essenciais para potencializar a hidratação. Hidratantes que estimulem a produção de colágeno são excelentes.
  • Beba ao menos 2 litros de água por dia, isso ajuda a deixar a pele mais bonita e viçosa.
  • Use filtro solar não apenas no rosto, mas nas mamas também. O sol envelhece a pele, reduz o colágeno e acaba deixando a pele flácida.
  • Evite ficar sem sutiã e escolha uma peça que se ajuste perfeitamente às suas medidas, sem sobrar, nem faltar espaço. A faixa das costas deve ser mais larga para sustentar bem os seios. As alças não podem apertar nem ficar caindo.
  • Na prática de atividades físicas, use tops reforçados que não deixem as mamas desprotegidas e soltas.
  • Tome cuidado com oscilações de peso, ganhar e perder peso, no famoso efeito sanfona, pode piorar a flacidez. As mamas são compostas também por gordura e quando você emagrece ou engorda, elas também mudam de tamanho. No processo de esticar a pele, a flacidez acontece e a pele não consegue voltar ao estado anterior.
  • Cuide de sua postura, isso também pode influenciar no aspecto caído das mamas.
  • Aposte em uma vida saudável, com boa alimentação e exercícios físicos regularmente.

 E se você já está com as mamas flácidas, o que fazer?

Cada caso deve ser avaliado individualmente, mas na maioria deles apenas a cirurgia plástica será capaz de corrigir. Quando é preciso reduzir o volume, uma mamoplastia redutora costuma ser indicada. Se o problema não for volume, mas houver flacidez e excesso de pele, pode ser fita uma mastopexia para correção, envolvendo ou não o uso de próteses de silicone para dar volume e contorno ao colo.

O procedimento mais indicado dependerá do grau de flacidez e o seu cirurgião vai indicar a melhor opção para você.

Deixar Comentário

Name*

Email* (never published)

Website